Pule para o conteúdo principal

Entenda como funciona o crédito consignado para negativados

Entenda como funciona o crédito consignado para negativados

Crédito consignado para negativados

O crédito consignado pode ajudar muito na reorganização das dívidas. (Foto: Shutterstock)

Mais de 60 milhões de pessoas têm o nome sujo por causa de dívidas atrasadas no Brasil. Conseguir um empréstimo nem sempre é tarefa fácil para quem está nessa situação. Mas existem formas de buscar aquele dinheiro extra para contornar o problema. Uma das soluções oferecidas pelas instituições financeiras é o crédito consignado para negativados.

Essa modalidade possui condições mais atrativas e aprovação facilitada mesmo se o CPF estiver registrado em órgãos de restrição de crédito, como o Serasa e o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC). Quer saber o porquê? O Blog da Bem explica.

O que é o empréstimo consignado

Primeiro, é preciso entender o funcionamento do crédito consignado. Nesse tipo de empréstimo, o dinheiro requerido é depositado na sua conta. E as prestações do pagamento são descontadas diretamente do seu salário ou benefício previdenciário, seja aposentadoria ou pensão.

Assim, o crédito consignado para negativados está disponível para empregados de empresas privadas, funcionários públicos, aposentados e pensionistas do INSS.

O crédito consignado para negativados possui taxas atrativas

O mercado normalmente aplica taxas de juros mais atas para os empréstimos voltados a pessoas endividadas. É dessa maneira que as instituições financeiras se previnem contra a possibilidade de falta de pagamento, já que o histórico do cliente acaba colocando em dúvida a sua viabilidade em arcar com o débito.

Mas o crédito consignado para negativados é mais seguro para os bancos e financeiras pelo fato de a transação estar vinculada à folha de pagamento, aposentadoria ou pensão. Ou seja, não há como esquecer ou postergar a quitação das parcelas. A chance de inadimplência, nesse caso, diminui muito.

É essa certeza que garante a oferta de condições melhores na comparação com outras modalidades de crédito.

Você pode saldar dívidas maiores

Por ter taxas de juros mais baixas, o dinheiro do crédito consignável pode ser utilizado para reorganizar a vida financeira de pessoas negativadas. Basta utilizá-lo para pagar a totalidade das dívidas com alíquotas mais altas, como cartão de crédito, cheque especial e empréstimos pessoais.

Além disso, é possível concentrar todas as dívidas em apenas um desconto. Ao quitar as demais contas, você torna mais claro o seu orçamento mensal. Assim, o crédito é uma forma de limpar o seu nome e voltar a ter acesso a compras parceladas em lojas e financiamento de imóveis e carros, por exemplo.

Quem pode pedir crédito consignado

Aposentados, pensionistas e servidores públicos podem tomar um crédito consignado para negativados. Em geral, os documentos exigidos são apenas o RG, o CPF e um comprovante de renda (contracheque, holerite, saldo ou extrato de benefício do INSS).

Quem possui carteira de trabalho assinada também tem direito ao empréstimo. Nesses casos, antes, é necessário verificar com o setor de recursos humanos quais são as instituições financeiras conveniadas com a sua empresa.

Entretanto, qualquer pessoa interessada em obter o crédito precisa ter uma margem consignável disponível.

Margem consignável

Por lei, no máximo 30% do salário ou benefício pode ser comprometido com cada parcela do crédito consignável. Ou seja, se você recebe R$ 3 mil, pode pedir empréstimos com descontos mensais de até R$ 900. Essa é sua margem consignável.

Você pode, ainda, reservar mais 5% para a utilização de um cartão de crédito consignado. O processo funciona da mesma forma: o limite de gastos corresponderá a 5% do salário. E esse percentual das faturas será descontado em folha.

Dá pra distribuir a margem

Também é permitido ter mais de uma operação desse tipo ao mesmo tempo, desde que a soma delas não ultrapasse a margem máxima. Ou seja, você pode ter um empréstimo consignado na Bem Promotora e outro vinculado ao Banco Pan, por exemplo.

Esse mecanismo garante decisões mais assertivas sobre as suas finanças, o que é especialmente importante para negativados.

Liberação

A liberação do crédito consignado dispensa a análise de crédito. Nessa modalidade, não são realizadas consultas ao SPC ou Serasa. O processo para assinar o contrato se torna menos burocrático. Em média, o prazo de liberação do dinheiro varia entre três e cinco dias úteis.

Muitas instituições, porém, conseguem depositar a quantia em até 24 horas. Isso porque o empréstimo pessoal pode estar vinculado a uma situação de urgência do cliente, requerendo maior celeridade no trâmite.

Portabilidade

Assim como as demais categorias de empréstimo, as operações de crédito consignado voltadas para negativados podem ser transferidas entre instituições financeiras. O mecanismo da portabilidade é semelhante ao utilizado na telefonia celular.

Isso significa que, assim como ocorre na migração do número de telefone para outra operadora, o seu crédito também pode ser levado a outro banco que ofereça condições mais favoráveis.

Não é preciso ter conta no banco

Outra vantagem importante é que você não precisa possuir conta no banco em que for pedir o crédito consignado. As instituições financeiras disponibilizam linhas específicas de atendimento para esses produtos.

É, inclusive, uma forma utilizada por elas para atrair novos clientes e inciar um relacionamento. Apesar disso, o contato prévio com o banco, o represante ou o gerente pode ser um trunfo para que o consumidor consiga taxas de juros e condições melhores.

Pensando em pedir um empréstimo consignado? O site da Bem Promotora oferece informações adicionais relativas ao tema. Lá, você também encontra ótimas opções para diversos tipos de clientes, inclusive negativados. Simule sua proposta com a gente!

Os comentários estão encerrados.