Pule para o conteúdo principal

Você sabe o que é um correspondente bancário?

Você sabe o que é um correspondente bancário?

O correspondente bancário ajuda a levar os serviços dos bancos aos consumidores. (Foto: Shutterstock)

A distribuição dos serviços bancários é uma das principais estratégias das instituições financeiras para chegar ao maior número de pessoas. Isso é facilitado pela internet, que não está vinculada a questões geográficas. Já as operações físicas dependem de um plano de posicionamento que tem o correspondente bancário como uma de suas peças-chave.

A Bem, inclusive, se encaixa nessa categoria. A seguir, a gente te explica tudo sobre os correspondentes bancários.

O que é um correspondente bancário

O Banco Central (Bacen) define correspondente bancário como “empresa contratada por instituições financeiras e demais instituições autorizadas pelo Banco Central para a prestação de serviços de atendimento aos clientes e usuários dessas instituições.” Ou seja, trata-se de uma empresa não bancária (pessoa jurídica) responsável por mediar o contato entre instituições financeiras e clientes. Todos os corbans devem ter autorização do Banco Central para operar e precisam seguir as regras e normas do Sistema Financeiro Nacional (SFN).

O que faz um correspondente bancário

Os correspondentes bancários fazem operações de crédito e outros serviços em nome de um ou mais bancos. Portanto, podem estar conveniados a mais de uma bandeira ou companhia.

O correspondente bancário representa o banco?

Um correspondente bancário não só pode representar um serviço financeiro de um banco, mas também utiliza os recursos da instituição bancária para conceder crédito. Algumas companhias que oferecem empréstimo fecham parcerias com empresas que tenham contato com um público propenso à contratação desse serviço.

É o caso de algumas redes de lojas de departamentos ou até mesmo de eletrodomésticos e materiais de construção. Elas oferecem linhas de empréstimo pessoal ou crédito consignado através de parcerias com instituições bancárias.

Por que há o correspondente bancário se já existem os bancos?

O principal objetivo do correspondente bancário é levar serviços bancários à maior parte da população, incluído locais onde não existem agência dos principais bancos. Ele é responsável por aumentar o que se chama de capilaridade – a capacidade de uma marca ou serviço chegar ao maior número de pessoas possível. Dessa forma, consegue acelerar o atendimento ao cliente e facilitar o acesso ao crédito.

Como ser um correspondente bancário de empréstimos

A resolução do Bacen determina que os profissionais que atuam na empresa promotora de crédito ou correspondente bancário devem ter a Certificação Profissional de uma instituição reconhecida. Se ainda não possuir, é preciso realizar o exame de certificação.

Além da certificação do agente de crédito, o correspondente bancário deve manter sempre atualizado o cadastro das pessoas que trabalham com ele, contendo os dados sobre a licença de trabalho. Entre em contato com a Bem para mais informações.

Quanto ganha um correspondente bancário

O Bacen determina que a instituição contratante deve remunerar o correspondente bancário de acordo com a gestão das operações. Em 2013, o Conselho Monetário Nacional determinou que os correspondentes bancários devem receber comissão de 6% sobre o valor de cada operação de crédito.

Serviços prestados pelos corbans

Entre os serviços mais comuns estão:

– recepção e encaminhamento de propostas de abertura de contas de depósitos à vista, a prazo e de poupança mantidas pela instituição contratante;
– realização de recebimentos, pagamentos e transferências eletrônicas visando à movimentação de contas de depósitos de titularidade de clientes mantidas pela instituição contratante;
– recepção e encaminhamento de propostas referentes a operações de crédito e de arrendamento mercantil de concessão da instituição contratante;
– recebimentos e pagamentos relacionados a letras de câmbio de aceite da instituição contratante;
– recepção e encaminhamento de propostas de fornecimento de cartões de crédito de responsabilidade da instituição contratante;

Vantagens de utilizar um correspondente bancário

1 – Facilidade e acesso a diversos serviços

É possível ter acesso facilitado a diversas operações graças aos serviços financeiros oferecidos pelos correspondentes bancários. São especialmente importantes para bairros ou municípios mais isolados, em que o contato in loco com as instituições financeiras é dificultado.

2 – Canal de atendimento

Os correspondentes bancários são também um canal de atendimento das instituições financeiras, facilitando o contanto com o cliente. Entretanto, eles não podem responder pelos bancos. Atuam apenas como intermediadores dessa relação.

Os serviços disponibilizados pelos correspondentes bancários podem ser diferentes dos oferecidos pelos bancos. Por regra, esses devem ser informados, até para que os clientes e usuários saibam a qual canal de atendimento recorrer.

3 – Agilidade nos processos

Vários correspondentes bancários operam online. A utilização da tecnologia e de plataformas virtuais, muitas vezes associadas diretamente aos bancos, tornam os processos ainda mais rápidos.

4 – É proibido ao correspondente bancário

– Cobrar pagamento adiantado.
– Impor tarifas sobre o serviço de intermediação prestado.
– Liberar empréstimo sem ter parceria com um banco – já que é a instituição financeira quem avaliza a liberação e os trâmites de qualquer tipo de crédito.

5 – Dicas de segurança

Desde que os serviços sejam contratados em um correspondente, ou seja, em um agente autorizado, o processo é seguro. Mas se você está em dúvida, procure seguir estas recomendações básicas:

– Consulte o CNPJ e a Razão Social da empresa no Banco Central.
– Verifique o certificado de segurança do site.
– Pesquise sobre a reputação da empresa na internet.
– Não pague parcelas adiantadas ou taxa de avalista.
– Avalie o contrato com cuidado.